Disque Denúncia Procurados

Buscar procurado

Pescador da Maré
Alexandre Ramos do Nascimento

  • 1 - Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), incisos II e IV E Lesão Corporal Leve (Art. 129 - Cp); Lesão Corporal Leve (Art. 129 - Cp) N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp)
    2 - Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), INCISOS IV E VII E Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), INCISOS IV E VII C/C Crime Tentado, DUAS VEZES N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp)
    3 - Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), VII N/F Crime Tentado; Dano Qualificado (Art. 163, parágrafo único - CP); Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06); Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006)
    4 - Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), VII N/F Crime Tentado; Dano Qualificado (Art. 163, parágrafo único - CP); Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06); Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006)
  • TCP - Terceiro Comando Puro
  • Gerente Geral do Tráfico de Drogas
  • Vila dos Pinheiros - Bonsucesso - RJ
  • 01/11/1987
  • Nº. (I.F.P.) 207.075.268
  • Rio de Janeiro - RJ
  • Procurado

Histórico

ENVOLVIDO NA MORTE DO CABO DO EXÉRCITO MICHEL AUGUSTO MIKAMI E DO SOLDADO DA FORÇA NACIONAL HELIO MESSIAS ANDRADE.


Alexandre Ramos do Nascimento, o Pescador, é ligado à facção Terceiro Comando Puro ? TCP ? e faz parte do tráfico de drogas que age na Vila dos Pinheiros, em Bonsucesso, Zona Norte do Rio de Janeiro e é um dos homens de confiança do traficante Marcelo Santos das Dores, o Menor P, que foi preso no dia (26/03/2014).

Com a prisão de Menor P, o comando passou para seu irmão Fabiano Santos de Jesus, o Zangado, que também foi preso, no mesmo ano. Agora os pontos de drogas foram redistribuídos entre os traficantes da facção, e um deles seria o traficante Pescador.

A região que é controlada por esses traficantes, foi o local onde uma viatura da Força Nacional foi recebida a tiros de fuzil, na tarde quarta-feira, 10/08/2016), por traficantes em uma localidade conhecida como Boca do Papai, na Vila do João, Zona Norte do Rio de Janeiro. A equipe tentava entrar na Linha Amarela em direção ao Parque Olímpico, mas entrou na comunidade por engano. Isso resultou em três agentes da FN feridos.

O caso mais grave foi com o soldado Helio Messias Andrade, de Roraima, baleado na cabeça e passou por uma cirurgia no Hospital Municipal Salgado Filho, mas acabou morrendo. O capitão Allen Marcos Rodrigues Ferreira, do Acre, foi atingido por estilhaços no rosto. Ainda estava na viatura o soldado Rafael Pereira, do Piauí, que dirigia o veiculo que não se feriu, mas ficou em estado de choque.

Segundo informações recebidas pelo aplicativo de mensagens do Whatsapp (21) 98849-6099, os traficantes têm ordem dos chefes do tráfico da região, de atirar em quem não obedecer a ordem de parada para averiguação, e também atirar em viaturas da Polícia.

Em janeiro, um casal que não morava no Rio, errou o caminho na Avenida Brasil e entrou por engano na Vila do João, e teve o carro atacado por criminosos na noite de uma quinta-feira (17).

Em novembro de 20107, Ele apareceu nas imagens de segurança da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Complexo da Maré, Zona Norte do Rio, com bandidos armados. O grupo invadiu a UPA em busca de atendimento para o traficante Renan Henrique Barbosa Campos, o RN, baleado com gravidade, e depois sequestraram um médico colombiano. Eles fugiram em uma ambulância.

De acordo com as investigações da polícia, Pescador ocupa um alto cargo na hierarquia do tráfico de drogas na Maré.

Ele também esta envolvido na tentativa de mortes de policiais, ´No dia 26 de Setembro de 2017, por volta de 14h00min, durante operação policial na Comunidade Vila dos Pinheiros, situada no Complexo da Maré/RJ os denunciados avistaram o policiais civis desembarcando no interior de um veículo blindado que adentrava a localidade, oportunidade em que, com vontade livre e consciente de matar, em comunhão de desígnios e ações entre si, os traficante atentaram contra vida dos policiais.

Eles se dirigiam à comunidade Vila dos Pinheiros, no complexo da Maré, com fim de localizar e prender traficantes foragidos da comunidade da Rocinha que ali estariam refugiados


Quem tiver qualquer informação a respeito da localização do acusado ainda em liberdade, favor informar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/; e pelo aplicativo Disque Denúncia RJ. Visite também o Instagram oficial do Portal dos Procurados ? portal.procurados-.

Mandados

Origem Processo expedição
Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, 27° Cartório da 27ª Vara Criminal/Prisão Preventiva 335692-91.2014.8.19.0001.0002 Distribuído em 30/06/2015
1° Circunscrição Judiciária Militar, 3ª AUDITORIA DA 1ª CJM/Prisão Preventiva Processo No 60-98.2015.7.01.0301.0003 Distribuído em 18/04/2016
Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, 3° Cartório da 3ª Vara Criminal/ Processo No 4468-72.2018.8.19.0001.0003/ Prisão Temporária Distribuído em 15/05/2018
Comarca da Capital/3ª Vara Criminal Processo No 0262022-49.2016.8.19.0001/Prisão Preventiva Distribuído em 13/08/2016
Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, 3° Cartório da 3ª Vara Criminal/ Processo No 4468-72.2018.8.19.0001.0003/ Prisão Temporária Distribuído em 15/05/2018
Comarca da Capital 3ª Vara Criminal   Processo No 262022-49.2016.8.19.0001/Prisão Preventiva Distribuído em 13/08/2016
Comarca da Capital/3ª Vara Criminal Processo No 0004468-72.2018.8.19.0001.01.0008-09/Prisão Preventiva Distribuído em 20/08/2018
Comarca da Capital/3ª Vara Criminal Processo No 0004468-72.2018.8.19.0001.01.0008-09/Prisão Temporária Distribuído em 15/05/2018