Compartilhe:


FOTOS:
 
Compartilhe:
Leandrinho da Minerlândia
Leandro do Nascimento
RG:
Não Informado
Natural:
Rio de Janeiro
Situação:
Capturado
Crimes:
Capturado
Facção:
Comando Vermelho
Função:
Chefe do Tráfico
Área de Atuação:
Volta Redonda
Histórico:
Traficante constava do site "Procurados"

Prisão realizada por: 93ª Delegacia Policial

O traficante Leandro do Nascimento, o "Leandro da Minerlândia", foi preso no dia 28 de novembro de 2010, em Volta Redonda, após fugir do Rio de Janeiro. A prisão ocorreu na Rua Mário Ferreira Neto, no Jardim Amália II, por policiais da 93ª DP. Uma equipe recebeu a informação da DRFA (Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis) de que Leandro havia conseguido fugir do cerco promovido pelas forças de segurança no Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, e estaria retornando para Volta Redonda.

De posse dos endereços que o traficante costuma utilizar para se esconder na cidade, a equipe designada para a investigação acabou prendendo o foragido no momento em que ele chegava ao Jardim Amália II, ao lado de uma mulher identificada apenas como Raquel - que seria mulher de Leandro -, por volta das 17h. Temendo uma tentativa de fuga do traficante, a transferência de "Leandro da Minerlândia" foi feita ainda à noite para a sede da DRFA, no bairro de Benfica, na capital carioca.

Leandro pertence a facção Comando Vermelho e tem condenação por tráfico de drogas, é acusado de homicídio, e seria um dos bandidos que, segundo informações da Polícia Civil, teria se dirigido para o Sul Fluminense, fugindo da repressão policial no Rio.

"Leandro da Minerlândia" é suspeito de ter matado um policial civil há cerca de sete anos, na Vila Santa Cecília. - A intenção era roubar o carro da vítima, mas Leandro teria atirado quando descobriu que se tratava de um policial. Leandro também teria assassinado em janeiro de 2010 o próprio primo, Márcio de Carvalho, o "Márcio Boquinha", que tinha 39 anos. A vítima foi morta a tiros na frente de sua casa, na Rua Ouro Preto, também no Minerlândia. Na época, a polícia apurou que Márcio teria sido assassinado por causa de uma disputa pelo domínio dos pontos de venda de drogas no bairro.

Leandro também teria comandado, em 2002, o ataque a um carro-forte na Rodovia Saturnino Braga, na altura de Rio Claro. Ele era um dos bandidos mais procurados pela polícia de Volta Redonda.
1